Auxílio Acidente: Como fazer o pedido do benefício

Auxílio Acidente: Como fazer o pedido do benefício
1 (20%) 1 vote

O Auxílio Acidente é um direito dos segurados do INSS que sofreram acidente durante o trabalho ou tiveram doença, que impossibilitam que o mesmo realize seu trabalho. Para garantir o benefício, é concedido somente aos segurados que ficaram com alguma sequela após o acidente ou doença, comprovado pela perícia do INSS.

Como funciona e quem tem direito

O Auxílio acidente é concedido para os segurados que já tiveram auxílio doença, e por motivo de saúde debilitada não conseguiram voltar as suas atividades. O auxílio de incapaz é um benefício da Previdência que é temporário.

Para que o segurado da previdência tenha direito ao auxílio acidente do INSS, é preciso que o mesmo passe por uma perícia médica do Instituto Nacional do Seguro Social, para que seja comprovada a incapacidade para o trabalho.

Se for constatada a redução da capacidade de trabalho do segurado, o benefício será concedido. Se o mesmo tiver alta do auxílio-doença e só perceber depois que ficou com sequelas, poderá também pedir o benefício à Previdência

auxilio-acidente

Como dar entrada no Auxílio Acidente

Para dar entrada no pedido do auxílio acidente, é necessário que o segurado tenha passado pela perícia médica e também já deve ter recebido o auxílio de doença uma vez. É necessário efetuar o agendamento pelo site www.mtps.gov.br ou através do telefone de atendimento 135.

No dia da perícia médica do INSS, o segurado deverá levar os documentos que comprovem a redução na capacidade para exercer atividades, bem como exames, radiografias e relatórios médicos, para comprovar a incapacidade do trabalho.

Caso o benefício for negado através da perícia, será necessário acionar a justiça estadual em caso de acidente de trabalho, e caso aconteça acidente por qualquer outra natureza, deverá ser acionada a Justiça Federal.

Veja mais: Como enviar o requerimento

Valor do benefício

Para obter o valor do benefício do auxílio acidente, calcula-se 50% da média salarial do trabalho com as 80% maiores contribuições feitas ao INSS depois de julho de 1994.

Nas agências da previdência, os valores do benefício são pagos desde a data do pedido. Já para ações judiciais, o benefício será pago desde a redução na capacidade de trabalhar. Vale lembra que segurados que passaram por reabilitação profissional também tem direito ao auxílio-acidente.

O benefício deixar de ser pago quando o segurado se aposenta pela previdência, mas de qualquer forma o valor entra no cálculo do benefício.

Dificuldades do Auxílio Acidente

Em relação ao futuro para os segurados, o Governo ainda não propôs rever detalhes do benefício . Só passarão por revisão as aposentadoria por invalidez e auxílios-doença.

Apesar de não ter revisão, quem consegue o benefício de incapaz na justiça, pode ter dificuldades em conseguir o auxílio acidente. Já que o Juiz não estipula o prazo para conseguir o primeiro benefício, ele é cessado automaticamente após 120 dias, ou seja, o segurado não passará por uma nova perícia para constatar que tem direito.

Deixe seu comentário